Cientistas de Nova Iorque descobrem remédio capaz de eliminar o câncer

Uma excelente notícia no mundo da medicina trouxe esperança para milhões de pessoas em todo mundo. Isso porque cientistas do Centro Oncológico Memorial Sloan Kettering, em Nova York (EUA), divulgaram nesta semana um estudo de combate ao câncer que apresentou avanço histórico. Isso porque foi criado o medicamento experimental capaz de eliminar os tumores de colón em todos os participantes que fizeram parte do experimento. Com o uso deste remédio, foi possível verificar uma recessão e desaparecimento da doença.

Os resultados da pesquisa foram publicados no último domingo (05/06), em uma das revistas científicas mais prestigiadas do mundo, a The New England Journal of Medicine. Ao todo, 12 pessoas participaram do experimento. Esses pacientes foram diagnosticados com adenocarcinoma retal em um estágio considerado avançado e com mutação rara, ou seja, havia uma deficiência de reparo de incompatibilidade. Eles fizeram uso da droga conhecida como dostarlimabe ao longo de seis meses.

Você pode se interessar  EUA: 50 pessoas são encontradas mortas em caminhão

De acordo com os médicos, é necessário fazer o tratamento em conjunto com outras técnicas: “esse tratamento deveria ser seguido por quimiorradioterapia-padrão e cirurgia. Os pacientes que tiveram uma resposta clínica completa após a conclusão da terapia com dostarlimabe prosseguiriam sem quimiorradioterapia e cirurgia”, apontam os responsáveis pela pesquisa.

Em conformidade com o estudo realizado, depois de passar pelo período de acompanhamento de seis meses, todos os pacientes que participavam da experiência obtiveram uma completa resposta clínica, de modo a não ter evidências do seu tumor ao realizar uma ressonância magnética, assim como a tomografia através de emissão de pósitrons, toque retal ou mesmo avaliação endoscópica. Portanto, em todos os exames realizados, não foi possível notar o aparecimento do tumor. Logo, foi relatado pelos médicos com uma eliminação total do câncer.

Você pode se interessar  EUA: 50 pessoas são encontradas mortas em caminhão

Acrescentam ainda os cientistas que: “na época desse relato, nenhum paciente havia recebido quimiorradioterapia ou tinha sido submetido a cirurgia e nenhum caso de progressão ou recorrência havia sido relatado durante o seguimento (intervalo de 6 a 25 meses). Nenhum evento adverso de grau 3 ou superior foi relatado”.

O que é a droga dostarlimabe?

A dostarlimabe é uma droga bastante estudada, com o intuito de ser utilizada em um procedimento conhecido como imunoterapia. A imunoterapia é um dos tratamentos mais promissores contra os mais diversos tipos de tumores. Ao fazer uso da droga dostarlimabe, as substâncias conseguem detectar as células cancerígenas e estimular o sistema imunológico do ser humano a destruir todas essas células.

Você pode se interessar  EUA: 50 pessoas são encontradas mortas em caminhão

De acordo com informações divulgadas pelo jornal The New York Times, uma única dose da droga dostarlimabe chega a custar algo em torno de US$11.000, que em conversão direta chegaria a custar mais de R$55 mil. O desenvolvimento e a produção da droga é financiada pela farmacêutica GlaxoSmithKline, assim como a Fundação Simon and Eve Colin, organização sem fins lucrativos Swim Across America, Fundação Nacional de Câncer dos Estados Unidos e pelo programa Stand Up to Cancer. Os pacientes que foram curados do câncer serão acompanhados pelos médicos e cientistas por mais algum tempo.